S.Martinho 2015

S.Martinho 2015

Lá diz o ditado popular que “no dia de S. Martinho assa a castanha e prova o vinho”, e foi essa a proposta do Clube Land Rover de Portugal aos seus sócios e amigos, que desta feita juntou 20 veículos e mais de 50 pessoas na região de Caldas da Rainha e Rio Maior.

Brindados por um excelente dia de Sol, ou não estivéssemos em pleno “Verão de São Martinho”, os Land Rovers foram rumando até ao local de concentração junto à magnífica praia da Foz do Arelho, antes de partirem à descoberta dos trilhos e paisagens locais.

No terreno, a muita lama formada pelas chuvas dos dias anteriores criava zonas mais delicadas em termos de condução para as quais a organização havia preparado alternativas, mas tratando-se de Land Rovers, poucos foram os que optaram por elas. Afinal não havia que temer e praticamente todos foram ultrapassando essas dificuldades, desde o mais antigo Serie II ao mais recente Defender que se inscreveram no evento.

A meio da manhã, chegava o momento ideal duma paragem “técnica” junto a um riacho, para esticar a pernas e tomar um café cortesia do Clube. Sim, porque mais do que sujar os carros, os nossos eventos servem para conviver e partilhar uma paixão comum que dá pelo nome de Land Rover. Que o diga o nosso sócio Pasi Lahtinen e o seu cão, que ao final da primeira semana de residência em Portugal, recém-chegados da Finlândia, vieram connosco no seu Defender 110 SW e ficaram encantados com o que viram do nosso País, embora por razões diferentes! Tal era o ar de satisfação de ambos, que estamos convencidos que os iremos ver em próximos eventos do Clube.

A manhã já tinha terminado quando a caravana chegava às Marinhas de Sal de Rio Maior, local fantástico possuidor de uma história na extracção de Sal de elevada qualidade com mais de oito séculos. Este facto é demonstrado por um documento datado de 1177 e hoje guardado na Torre do Tombo, segundo o qual Pêro D’Aragão e sua mulher Sancha Soares, venderam aos Templários “…a quinta parte que tinham do poço e Salinas de Rio Maior…”

Com a ajuda de uma guia do Turismo de Rio Maior os participantes ficaram igualmente a conhecer um pouco mais da história do local e da ciência do Sal de Rio Maior, cuja água de onde é obtido é sete vezes mais salgada que a do mar. Mas as descobertas de detalhes curiosos sobre este local não ficariam por aqui, como prova o exemplo do engenho das fechaduras dos armazém serem, não em ferro, mas em madeira para prevenir a corrosão.

Avançada a tarde, havia que continuar o caminho, que os dias se fazem cada vez mais curtos, e chegados ao restaurante da Cooperativa de Chãos, de onde se avista uma paisagem maravilhosa, que ia de Santarém à serra dos Candeeiros, esperavam-nos um Galo com Nozes e um excelente Bacalhau assado, para deleite dos famintos e esforçados condutores e acompanhantes.

Com tempo para boas conversas que a isso o local convidava, os temas iam da mística da marca às aventuras passadas, mas o que mais entusiasmo suscitava era seguramente a próxima expedição à Mauritânia que o Clube está a preparar para Fevereiro de 2016. “O que precisamos para embarcar nesta aventura? Quanto tempo demoraremos? Que preparação é preciso fazer aos carros?”, eram algumas das perguntas a que o António Antunes, responsável do Clube pela preparação da viagem, e profundo conhecedor daquelas paragens, ia respondendo. A julgar pelo “brilho nos olhos” de quem o ouvia e sabendo da competência do guia nestas matérias, não restarão dúvidas que será uma viagem de sonho, daquelas que só se faz uma vez na vida… Estará por isso na altura de marcar férias para Fevereiro e apontar a Sul…

Findo o almoço – já os “galos” cantavam de outro modo – era finalmente tempo de provar a famosa Água-pé da região e comer as castanhas assadas próprias do tempo, que para isso se haviam feito tantos quilómetros por montes e vales para chegar até ali….
O convívio “escorria” pela tarde dentro, proporcionando um fantástico final de dia, satisfeitos por mais uma excelente jornada de todo-o-terreno turístico, passada na boa companhia de amigos que gostamos sempre de rever… Prometemos voltar brevemente.

DEIXE UM COMENTÁRIO